terça-feira, 8 de março de 2011

Feliz dia da mulher, MINHA MULHER!


E um dia eu escrevi, por cá mesmo, que queria encontrar uma MULHER. Queria encontrar uma mulher que me completasse, pois no amor verdadeiro é isso que ocorre: uma relação de reciprocidade, sempre! Queria uma mulher que me compreendesse, que me apoiasse, que corresse em busca da realização dos objetivos individuais e que no fim, seria a concretização de objetivos de ambos, simultaneamente. Queria uma morena de olhos verdes com um sorriso cativante, que tivesse cabelos cacheados e um cheiro de laranjeira no pescoço capaz de me deixar literalmente à flor da pele de desejos e anseios. Queria aquela mulher que me desse a mão nos momentos que eu mais precisasse, aquela que ia sorrir e chorar comigo, não importando o motivo em questão. Queria aquela que fizesse de um simples passeio pra tomar um sorvete um momento inesquecível apenas pela razão de estarmos vivos e juntos, curtindo cada momento de uma forma intensa... Queria um carnaval EU E ELA, e o restante do mundo conspirando a favor para que tudo ocorra da melhor forma possível. Queria uma mulher que pensasse num futuro a dois de uma forma espontânea, sem receios, sem medos, sem ressentimentos. Queria uma mulher que eu pudesse depositar toda a minha confiança, sem me preocupar com o que ela poderia fazer com isso, pois havia certeza de que estaria em ótimas mãos. Queria uma mulher que me ligasse pra dizer que me ama muito, que me mandasse uma mensagem dizendo que estava morrendo de saudades de mim, que queria muito me ver urgentemente. Queria um amor que não desse espaço algum para discórdias, que estivesse sempre de bem com a vida, pois ela é tão gostosa de ser vivida, que não se pode perder um minuto se quer com bobagens, futilidades que possam atrapalhar alguma coisa. QUERIA UMA MULHER DA FORMA QUE TE ENCONTREI! Sim, encontrei a mulher da minha vida, a mulher que eu tanto almejei. A mulher que tanto visualizei como a ideal pra mim estava a me esperar tão próxima que parecia até algo escrito. MAKTUB. Talvez isso fosse verdade. Tudo na vida tem um propósito, e não seria de outra forma nessa situação. E hoje, que se comemora o dia internacional da mulher, a data tem a sorte maior do mundo de poder presenciar sua estadia nesse ligar tão nosso. É a primeira de inúmeras datas dessa que estarei a te fazer uma surpresa, te dá algo de presente, gritar bem alto o meu amor por você, pois sei que você merece e muito ser a menina-mulher mais feliz, entre todas que tentam e não chegam nem perto. E de forma espontânea, que é o que importa. Se eu te desse todos os presentes possíveis, acho que não seria o bastante. O que sei, e isso eu nunca neguei a ninguém, é que eu tenho o maior orgulho em ter você como minha namorada, e em breve, como minha esposa! Não vejo a hora de poder comemorar um dia bacana desse, coladinho contigo, sorrindo, se amando intensamente, que é isso que gostamos e sabemos fazer como ninguém! Aquela mulher que eu tanto desejava, agradeço a Papai do Céu constantemente em ter encontrado e ter podido conquistar, e hoje ela estar sonhando cada dia mais e mais ao meu lado. Hoje é o seu dia. Na verdade, você tem tantos dias nesse ano, rs. Digamos que o dia de hoje seja o seu segundo dia no mês, já que o primordial está pra vir no dia 27. Sei que te amo e isso é inquestionável. Obrigado, MULHER DA MINHA VIDA, por ter me aceitado no seu meio, por me dá atenção e carinho e muito amor. Obrigado por existir como MULHER em todas as circunstâncias, em todos os momentos que requerem uma personalidade consistente.

FELIZ DIA DA MULHER, MINHA MULHER!

EVE, EU TE AMO INCONDICIONALMENTE!

3 comentários:

Beta disse...

Uauuuuu
Eve , tenho a dizer que tb te amo...
Menina... essa rapaz ae depois que te reconheceu demora a aparecer por aki, mas qdo aparece, vem com algo maravilhoso!!!!

FELIZ DIA PRA VC!

Thiago , Parabéms pela escrita , por saber transmitir esse sentir tão bem!!!

BEIJOSSS P/ OS DOIS
Amor e Alegria Sempre!

Hugo de Oliveira disse...

Bonita homenagem.
abraços

JAIRCLOPES disse...

Fazia tempo que eu comparecia ao teu blogue, mas foi com grande alegria que constatei o quanto tuas reflexões merecem ser lidas. Aos lê-las me dei conta que ainda existe inteligência na bloguesfera, Parabéns, JAIR.